Musicovery

Musicovery

Há algum tempo fiz uma propaganda danada para o Last.fm que funciona como uma espécie de comunidade para ouvintes de músicas.

O conceito era bem simples:
Em uma primeira instância parece uma estação de rádio virtual, como outras. Você, como usuário, seleciona um artista de preferência. O Bob Dylan, por exemplo. Daí o Last.fm monta uma programação baseada na escolha de outros usuários que também curtem o Bob Dylan e o resultado final é bem interessante. Acaba-se descobrindo um monte de Bandas novas, etc. Boa pedida para fugir daquele baralho de figurinhas carimbadas ao mesmo tempo que mantem um estilo musical que lhe agrade.
Não é um robô auto ciente e de bom gosto, que faz cafezinho e tudo mais. É um sistema que cruza dados de uma comunidade de usuários: esta, geralmente por intermédio de um programinha instalado no PC de cada um, preenche o numeroso banco de informações e a estatística dessa preferência pública é convertida em hipótese… Well, o que quero dizer é que as vezes a estação erra feio a programação… o gosto dos usuário acima de tudo é um padrão subjetivo e se mostra deveras eclético quando poucos curtem uma determinada banda, por exemplo. Não era difícil escolher alguém como Chico Buarque e aparecer Foo Fighters no meio. Mas isso no começo do sistema, hoje a coisa se comporta melhor – nada mais natural.

Com um maior povoamento a estória é outra, mas ainda assim critérios tão subjetivos como “quem parece com quem?” na área da música é uma brabeira….

Agora, para montar a sua estação, e você só tem que dizer coisas básicas, como seu estado de espírito? Mais subjetivo ainda a seleção, né?

http://musicovery.com/

O que descobri recentemente foi um sistema com uma linda interface em flash que apresenta a estação conforme 4 critérios:

Energia
Positividade
Escuridão
Calma

Seja lá o que estes significam para cada um, o resultado final é bem interessante. A escolha pode ser toda automatizada, sem uma comunidade, e a apresentação em forma de grafos faz a brincadeira render uma tarde inteira.

“Funciona mais ou menos assim, do lado esquerdo existe um player onde você pode escolher um estilo musical ou então selecionar o rítmo a ser ouvido. Pode ser algo calmo ou mais agitado, positivo ou dark. Aí o site escolhe um artista e começa a tocar. O interessante é que a opção mostrada fica ligada a outros músicos através de uma linha e caso não goste da seleção, basta pular para o próximo a “rede” será toda refeita. Ao acabar uma música, o sistema automaticamente pula para a próxima e assim o processo de descobrimento se torna quase infinito.”

Fonte: Dori Prata
Por MeioBit

Anúncios

Publicado por

Igor Prata

Analista de Segurança, formado pela UERJ. Entusiasta de Software Livre, fontes de energia alternativas, computação distribuída e tecnologias para acessibilidade. Diretor de Kyudo na Federação Brasileira.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s